Bíblia Amplificada

Verso
1 Paulo, um apóstolo (mensageiro especial) de Cristo Jesus por designação e ordem de Deus nosso Salvador e de Cristo Jesus (o Messias), nossa Esperança,
2 A Timóteo, meu verdadeiro filho na fé: Graça (bênção e favor espiritual), misericórdia e paz [no coração] [sejam suas] da parte de Deus o Pai e de Cristo Jesus nosso Senhor.
3 Como lhe supliquei quando eu estava a caminho da Macedônia, fique onde você está em Éfeso, para que você possa advertir e admoestar e instruir certos indivíduos a não pregarem nenhuma doutrina diferente,
4 A não darem importância nem se ocuparem com lendas (fábulas, mitos) e intermináveis genealogias, que abrigam e promovem especulações e questionamentos inúteis, em vez da aceitação, em fé, da administração de Deus e do divino treinamento que está na fé (naquela inclinação da inteira personalidade humana a Deus, em absoluta crença e confiança) -
5 Considerando que o objeto e propósito de nossa instrução e ordem é o amor que brota de um coração puro e de uma boa (clara) consciência e de uma fé sincera (não fingida).
6 Mas certos indivíduos perderam o rumo neste mesmo assunto [e] têm-se desviado em vãos argumentos e discussões e conversas sem propósito.
7 São ambiciosos para serem doutores da Lei (mestres do ritual mosaico), mas não têm entendimento, nem das palavras e termos que usam, nem dos assuntos a respeito dos quais eles fazem [tais] afirmações dogmáticas.
8 Ora, reconhecemos e sabemos que a Lei é boa se alguém usar dela legitimamente [para o propósito para o qual ela foi designada],
9 Sabendo e entendendo isto: que a lei não é promulgada para os justos (os retos, que estão em correto posicionamento para com Deus), mas para os iníquos e desordeiros, para os ímpios e pecaminosos, para os irreverentes e profanos, para aqueles que batem em e espancam e [até mesmo] matam os pais e batem em e espancam e [até mesmo] matam as mães, para os homicidas,
10 [Para] as pessoas impuras e imorais, para aqueles que abusam de si mesmos com homens, para os raptores, para os mentirosos, para os perjuros - e tudo o mais que se opõe ao ensino saudável e à sã doutrina
11 Conforme foi colocado pelo glorioso Evangelho do bendito Deus, que me foi confiado.
12 Dou graças a Ele que me concedeu [a] força [necessária] e me fez capaz [para isto], Cristo Jesus nosso Senhor, porque Ele julgou e me contou como fiel e digno de confiança, designando-me para [esta dispensação do] ministério.
13 Embora eu, anteriormente, blasfemasse e perseguisse e [O] insultasse vergonhosamente e ultrajantemente e agressivamente, contudo obtive misericórdia, porque tinha agido por ignorância e incredulidade.
14 E a graça (favor e bênção imerecidos) de nosso Senhor [realmente] fluiu superabundantemente e além de medida para mim, acompanhada da fé e do amor que estão [para ser alcançados] em Cristo Jesus.
15 Certa e verdadeira e digna de plena e universal aceitação é a palavra que diz que Cristo Jesus (o Messias) veio para o mundo para salvar pecadores, dos quais eu sou o principal.
16 Mas obtive misericórdia pela razão de que em mim, como o principal [dos pecadores], Jesus Cristo poderia evidenciar e demonstrar toda Sua perfeita longanimidade e paciência, como um exemplo para [encorajar] aqueles que, mais adiante, iriam confiar Nele para [ganharem] a vida eterna.
17 Ora, ao Rei da eternidade, incorruptível e imortal, invisível, ao único Deus, sejam honra e glória para sempre e sempre (pelos séculos dos séculos). Amém (assim seja).
18 Esta ordem e admoestação eu entrego em confiança a você, Timóteo, meu filho, de acordo com as indicações proféticas que anteriormente recebi a respeito de você, para que, inspirado e auxiliado por elas, você possa combater o bom combate,
19 Apegando-se firmemente à fé (aquela inclinação da inteira personalidade humana para Deus em absoluta crença e confiança) e tendo uma boa (clara) consciência. Ao rejeitarem e se desviarem delas [de suas consciências], alguns indivíduos fizeram sua fé naufragar.
20 Entre eles estavam Himeneu e Alexandre, os quais entreguei a Satanás para que possam ser disciplinados [por punição e aprendam] a não blasfemar.


Ministério Vivos com Cristo