Bíblia Amplificada

Verso
1 Judas, um servo de Jesus Cristo (o Messias) e irmão de Tiago, [escreve esta carta] àqueles que são chamados (escolhidos), bem-amados de Deus o Pai e separados (colocados à parte) e guardados para Jesus Cristo.
2 Possam a misericórdia, a paz [na alma] e o amor serem multiplicadas a vocês.
3 Amados, meu total interesse era de escrever a vocês a respeito de nossa salvação comum. [Mas] achei necessário e fui impelido a lhes escrever e apelar com urgência e exortar [vocês] a batalharem pela fé que foi, de uma vez por todas, entregue aos santos [a fé que é aquela soma da crença cristã que foi verbalmente entregue ao povo santo de Deus].
4 Pois certos homens introduziram-se furtivamente [ganhando entrada secretamente por uma porta lateral]. Sua condenação foi predita há muito tempo, ímpios (profanos), pessoas que pervertem a graça (a bênção espiritual e o favor) de nosso Deus em iniquidade (um viver sem lei) e libertinagem e imoralidade, e repudiam e negam o nosso único Mestre e Senhor, Jesus Cristo (o Messias, o Ungido).
5 Ora, quero lembrar-lhes, embora vocês estejam plenamente informados de uma vez por todas, de que, embora o Senhor [certa vez] tenha livrado um povo da terra do Egito, Ele em seguida destruiu aqueles [entre eles] que não creram [que se recusaram a aderir a Ele, confiar Nele e depender Dele],
6 E anjos que não conservaram (não se importaram, não guardaram, não mantiveram; seu próprio primeiro lugar de poder mas abandonaram a morada que lhes cabia -estes Ele reservou em custódia em cadeias eternas (cativeiro eterno) debaixo das espessas sombras de completas trevas, até o julgamento e condenação do grande dia.
7 [Os maus estão sentenciados a sofrer] como Sodoma e Gomorra e cidades vizinhas que, do mesmo modo, se deram à impureza e cederam, a vícios antinaturais e perversão sensual e estão expostos [à vista de todos] como uma exibição da punição perpétua, [para avisar] do fogo eterno.
8 Não obstante, de maneira semelhante, estes sonhadores também corrompem o corpo, escarnecem das e rejeitam as autoridades e o governo, e reprovam e difamam e zombam das glórias [celestiais] (dos gloriosos).
9 Mas, quando [até mesmo] o arcanjo Miguel contendendo com o diabo, judicialmente argumentou (disputou) a respeito do corpo de Moisés, não ousou [presumir] trazer uma abusiva condenação contra ele, mas [simplesmente] disse: O Senhor te repreenda!
10 Mas estes homens reprovam (zombam e ridicularizam de) qualquer coisa com a qual não estão familiarizados, e do que não entendem; e tudo o que eles entendem fisicamente [aquilo que eles sabem por mero instinto], como animais irracionais - através destas coisas eles se corrompem e são destruídos (perecem).
11 Ai deles! Pois eles correram tumultuadamente no caminho de Caim e abandonaram a si mesmos por causa do ganho [que isso lhes oferece, seguindo] o erro de Balaão. e pereceram em rebelião [como aquela] de Coré! [Gênesis 4:3-8; Números 16:22-24]
12 Estes são rochedos ocultos (elementos de perigo) em suas festas de fraternidade, onde eles com ousadia banqueteiam-se suntuosamente [celebrando juntos no meio de vocês] provendo, sem escrúpulos, somente para si mesmos. São nuvens sem água, varridas pelos ventos; árvores, sem fruto na época da colheita do fim do outono - duas vezes (duplamente) mortas, [sem vida e] arrancadas pelas raízes;
13 Ondas bravas do mar, lançando as espumas de sua vergonha e desgraça; estrelas errantes. para quem a sombra das trevas eternas foi reservada para sempre.
14 Foi destas pessoas, além disso, que Enoque, na sétima [geração] de Adão profetizou quando disse: Eis que o Senhor vem com Suas miríades de santos (dez mil de Seus santos)
15 Para executar julgamento sobre todos, e para convencer a todos os ímpios (os não santos) de suas ações ímpias que eles cometeram [de um modo tão] ímpio, e de todas as coisas cruéis (abusivas, duras) que os pecadores ímpios falaram contra Ele.
16 Estes são murmuradores (de temperamento doentio) inveterados que se queixam [de sua sorte na vida], indo após seus próprios desejos [controlados por suas paixões]: sua fala é pretensiosa e arrogante [e eles alegam ser) admiradores dos homens, e fazem às pessoas aduladoras, com o fim de ganhar vantagem.
17 Mas vocês precisam se lembrar, amados, das predições que foram feitas pelos apóstolos (os mensageiros especiais) de nosso Senhor Jesus Cristo (o Messias, o Ungido).
18 Eles lhes contaram de antemão: Nos últimos dias (no tempo do fim) haverá zombadores [que buscam gratificar seus próprios desejos não santos], seguindo após suas próprias paixões ímpias.
19 São estes que são [agitadores], estabelecendo diferenças e causando divisões - meramente sensuais [criaturas carnais, pessoas com a mente do mundo], vazios do Espírito [Santo] e destituídos de qualquer vida espiritual mais alta.
20 Mas vocês, amados, edifiquem-se [fundamentados] em sua mais santa fé [façam e progresso, levantem-se como um edifício mais e mais alto] orando no Espírito Santo.
21 Guardem-se e mantenham-se no amor de Deus; esperem pacientemente pela misericórdia de nosso Senhor Jesus Cristo (o Messias) [a qual levará vocês] à vida eterna.
22 E refutem [como para convencer] alguns que disputam com vocês, e de alguns, que vacilam e duvidam, tenham misericórdia.
23 [Esforcem-se para] salvar outros, arrebatando-os do fogo; e, de outros, tenham piedade [mas] com temor, abominando até mesmo a roupa manchada pela carne e poluída pela sensualidade deles.
24 Ora, a Ele que é capaz de guardar vocês sem tropeçarem nem escorregarem nem caírem, e de apresentar vocês inculpáveis (sem culpa e sem falta) perante a presença de Sua glória em triunfante alegria e exultação [com indizível deleite de êxtase]
25 Ao único Deus, nosso Salvador através de Jesus Cristo nosso Senhor, sejam glória (esplendor), majestade, força e domínio, e poder e autoridade, antes de todo tempo e agora e para sempre (por todos os séculos da eternidade). Amem (assim seja).


Ministério Vivos com Cristo